Prefeitura de Campinas libera a partir de 8 de junho abertura de comércio e atividades religiosas com horário reduzido

0
266

A Prefeitura de Campinas (SP) publicou, nesta quinta-feira (4), o decreto que estabelece o Plano São Paulo no município e permite a reabertura de shoppings, do comércio de rua e das atividades religiosas com restrições de horário e capacidade de atendimento reduzida a 20%. O funcionamento ocorrerá por quatro horas e restaurantes não terão permissão para receber clientes.⠀

O anúncio do relaxamento da quarentena ocorre no mesmo dia da confirmação da primeira morte de uma criança por novo coronavírus na cidade. Além da menina de 5 anos, a prefeitura confirmou mais sete mortes e chegou a 92 vítimas fatais da Covid-19.⠀

O decreto, que passa a valer em 8 de junho, prorroga a quarentena até 15 de junho e inclui, entre os serviços que podem funcionar, aqueles relacionados na fase 2 – laranja do Plano São Paulo, programa do governo estadual para reabertura gradual.⠀

Atividades liberadas a partir de 8 de junho:⠀
escritórios em geral (advocacia, contabilidade, imobiliária, engenharia, arquitetura, turismo e etc)⠀
shoppings, de 16h às 20h⠀
comércios de rua em geral, de 12h às 16h⠀
atividades religiosas⠀

Atividades que seguem proibidas:⠀
– espaços públicos e eventos com aglomeração⠀
– bares e restaurantes (para atendimento ao público)⠀
– Salões de beleza, academias, teatro e cinema⠀
– Nos shoppings: atividades culturais e de lazer, praça de alimentação, serviços de vallet⠀

Confira o Decreto no Diário Oficial: http://www.campinas.sp.gov.br/uploads/pdf/885003402.pdf


Fonte: G1⠀